Prosseguir com a aliança como PSB, do governador Ricardo Coutinho. Esse foi um dos temas defendidos neste sábado (23), durante Congresso do PPS, em João Pessoa, que reconduziu o vereador Bruno Farias ao comando da legenda.

“No âmbito estadual defendo que o PPS continue ao lado desse projeto que governa o estado da Paraíba desde janeiro de 2011 e que mudou a forma de administração do nosso estado”, acrescentou.

Conforme Bruno, o PPS rejeita qualquer tipo de aliança com o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), seja no âmbito municipal, na Câmara, seja nas eleições de 2018. O parlamentar citou os escândalos em torno da obra da Lagoa, em que milhões foram desviados, mas que ninguém, até agora, sabe o paradeiro.

“Não temos como estar ao lado de um governo envolvido em escândalos, de desvios de mais de R$10 milhões, apenas na obra na lagoa, fora evidente outras denuncias que são já investigadas por órgãos de controle”, explicou o vereador recém conduzido à presidência do partido, classificando – o como uma “oposição que não se cala diante dos desacertos”.

Já para o cenário nacional, o PPS levanta a bandeira em prol da candidatura própria, que deve ser representada pelo nome do senador Cristóvão Buarque como um dos possíveis escolhidos.

 

O Congresso do PPS, em João Pessoa, foi realizado neste sábado, na Câmara Municipal e reconduzio à presidência o vereador Bruno Farias, tendo na chapa como vice-presidente o economiário e ex-secretário de Esportes, Sergio Meira.

 

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“A simpatia de Galdino pelo Avante também fortalece a minha escolha” diz Felipe Leitão

O deputado estadual Felipe Leitão (Democratas) que esteve recentemente em evento nacional do Avante em Salvador, ao lado dos parlamentares paraibanos que pertencem à sigla e do presidente da Assembleia…

Deputado prevê debandada de políticos na PB para partido de Bolsonaro

Aliado do presidente da República Jair Bolsonaro, o deputado estadual Moacir Rodrigues, atualmente filiado ao PSL, mas que já sinalizou que sairá do partido, afirmou que diversas lideranças paraibanas devem…