Com o fim da janela partidária, a Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) registrou a ‘mudança de endereço’ e sete partidos que antes tinham de médias a grandes representações, basicamente deixaram de existir, como MDB, PTB e PSB.

Pós-janela partidária, ficaram sem representação no legislativo de JP PSL, MDB, PMN, DC, PTB, PSC e PSB. “Isso já era esperado por todo mundo, mas desse jeito, não”, afirmou o vereador Mangueira.

Com isso, algumas bancadas foram fortalecidas, como as do PV e do Avante, que ganharam quatro vereadores cada. Outras, perderam a sua representatividade no parlamento mirim: o PSB viu sua bancada chegar a 0 após a crise interna no partido.

Confira como ficaram os partidos dos vereadores na capital:

Avante

Chico de Sindicato

Dinho

Professor Gabriel

Raíssa Lacerda

Tanilson Soares

Renato Martins (Suplente)

Cidadania

Bruno Farias

Léo Bezerra

Tibério Limeira

Zezinho do Botafogo (suplente)

Patriota

Carlão da Consolação

PL

Durval Ferreira

Marcos Vinícius

PRB

Bispo José Luiz

Helton Renê

PRTB

Thiago Lucena

PP

Eliza Virgínia

Damásio Franca

Helena Holanda

João Corujinha

Mangueira

Edson Cruz (suplente)

PT

Marcos Henriques

Sandra Marrocos

PV

Humberto Pontes

Lucas de Brito

João dos Santos

Milanez Neto

Bosquinho

PSDB

Luiz Flávio

Solidariedade

João Almeida

Sérgio da SAC (suplente)

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Análise: história política, isolamento de Cartaxo e a recente decisão do Avante

A história da humanidade foi forjada por alianças sólidas entre tribos outrora nômades, grandes impérios como o Romano e Egípcio, passando pelos gregos, esses considerados como berço da civilização moderna.…

Opinião: o Brasil está à beira de uma guerra civil, cujo ódio é ‘plantado’ por Bolsonaro que usa o povo como pólvora

A tarde já findava. Precisei ir à farmácia, mesmo com certo cansaço em decorrência do corpo debilitado pela Covid-19. Embora os sintomas tenham cessado, o corpo ainda está debilitado. Pois…