O secretário de comunicação do Governo Estadual, Luís Tôrres revelou, durante entrevista a  uma rádio da Capital, esta quinta-feira (14) que espera que a prefeitura de João Pessoa envie alguém para participar da reunião, no Palácio da Redenção, com a presença do governador Ricardo Coutinho (PSB) órgãos fiscalizadores e o grupo Ferreira Costa para construir um diálogo e soluções para que a empresa se instale na Capital, fato que geraria mais de 500 empregos.

 

Segundo Tôrres, caso a prefeitura não envie ninguém seria a principal comprovação de que o assunto está sendo tratado com total descaso, mas ele deixou claro que espera que isso não aconteça.

 

"Se está tudo se encaminhando para uma resolução como você não vai para uma reunião dessa. Ao resolver as máquinas amanhã voltam a trabalhar e se resolve o assunto. Uma eventual ausência é a principal comprovação que para a prefeitura esse assunto estava sendo tratado com total descaso, mas espero que isso não aconteça. É um golpe na capacidade de encontrar soluções. A reunião seria com algém da prefeitura para que a gente possa encontrar soluções, fazer uma força tarefa para que a empresa se instale. Há esperanças de que dê tudo certo e que a empresa dê continuidade no processo de instalação. Há esse interesse por parte deles também. Seria importante para a cidade diante desse momento de crise no país. Se eles não quisessem ficar ele teriam essa postura? Vamos aguardar e conversar para ver o que a gente pode fazer a respeito. Todos nós esperamos que tudo tenha um final feliz", explicou o secretário.

 

PB Agora com rádio Band News

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Veneziano lamenta decisão de Bolsonaro de reter recursos da transposição 

Em pronunciamento na Tribuna do Senado, o Senador Veneziano Vital do Rêgo (PSB-PB) repudiou a postura do Governo Federal de descumprir um compromisso com o governador João Azevedo (PSB), e…

Por passe de Galdino, dirigentes admitem abrir mão do comando de siglas

Pelo menos três presidentes de partidos na Paraíba estão dispostos a abrir mão do comando de suas legendas para conquistar o ‘passe’ do presidente da Assembleia Legislativa do Estado, Adriano…