Por pbagora.com.br

Políticos paraibanos reagiram com indignação a postura do senador Ney Suassuna, que supostamente teria gesticulado com gesto ‘pejorativo’ ao falar da evolução do quadro de saúde do senador José Maranhão (MDB). Ney negou em nota que teria dado o dedo ao senador, e justificou que reagiu com aspereza contra um assessor que teria atrapalhado a gravação.

O deputado estadual Raniery Paulino usou o Twitter para manifestar a indignação: “Zé Maranhão é um grande homem público. Probo, digno, trabalhador e honrado. Estou aqui para defender sua vida, sua obra e sua história”.
A escritora Ângela Bezerra de Castro, presidente da Academia Paraibana de Letras, também criticou duramente o senador Ney Suassuna nesta quarta-feira com gesto na abordagem sobre o também senador José Maranhão, hospitalizado em São Paulo.

– Não alcança o grande senador José Maranhão , que a família , os amigos e a Paraíba admiram pelo seu compromisso com os mais altos valores éticos , de cidadania e do humanismo que nortearam sua vida pública, disse ela para acrescentar:

– Uma vida sem mácula .Orgulho de todos nós que o fizemos nosso representante , por mais de seis décadas, disse ela referindo-se a Maranhão.

Após falar gaguejando sobre a saúde do senador Maranhão, o suplente Ney disse que estava fazendo preces para que ele se reanimasse e se recuperasse, ele deixou vazar ao vivo um gesto obsceno, pegando a Paraíba de surpresa e deixando familiares do senador indignados e correligionários revoltados.

A médica Alice Maranhão, filha do senador José Maranhão (MDB), publicou uma nota de repúdio em seu Instagram nesta quarta-feira (20), externando indignação de seus familiares após o gesto obsceno do senador Ney Suassuna (Republicanos). “As palavras de convalescença saiam gaguejadas dos seus lábios. Enquanto seu gesto representava seu real sentimento. Todas as vítimas do covid-19 sentiram-se ultrajadas. Sr. Ney Suassuna, aprenda com meu pai, o qual antes de traqueostomizado, recomendou: importante vacina para o povo! Ele sim, é um estadista, guerreiro, trabalhador”.

O radialista Nilvan Ferreira (MDB), que disputou a prefeitura de João Pessoa nas últimas eleições, ficando em 2º lugar, foi um dos primeiros a repudiarem o ato do suplente de senador.

“Prestem atenção como alguns personagens da política são uma farsa. Vivem de enganar as pessoas, são atores farsantes. Olhem o gesto que o senador Ney Suassuna faz quando comenta sobre a recuperação do Senador José Maranhão. Ele esqueceu que estava sendo filmado na hora da entrevista. Esse tipo de gente não tem estima pela vida das pessoas. Tratam os assuntos olhando pelo lado do poder” escreveu em suas redes sociais.

MDB – A Diretoria Executiva do MDB da Paraíba enviou nota à imprensa na qual expressa solidariedade ao senador José Maranhão, que se encontra internado em São Paulo em tratamento à Covid-19 e repudia gesto obsceno do senador suplente, Ney Suassuna (Republicanos – foto), que ao falar da saúde do ex-colega de partido, durante entrevista concedida a uma emissora de João Pessoa, nessa quarta-feira (20), fez um gesto obsceno com a mão.

Conforme a nota, “tal gesto também revela um nefasto sentimento contra as milhares de vítimas brasileiras que tentam se recuperar, afora as que não resistiram, deste malfadado vírus que transformou a face do planeta – postura jamais esperada de qualquer ser humano, tampouco de alguém que ostenta, mesmo como suplente, uma representatividade popular”.

PB Agora

Notícias relacionadas

Ex-prefeito de JP admite disputar cargo majoritário em 2022

Quase dois meses após encerrar o mandato de prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV), quebrou o silêncio, e admitiu em entrevista à Rádio Caturité FM, que pode disputar um…

Em reunião com presidente do BB, Daniella Ribeiro recebe garantia que banco não demitirá funcionários na PB

Senadora levou demandas da categoria e tratou sobre fechamento de agências no Estado Durante reunião remota realizada na manhã desta terça-feira (23/02), o presidente do Banco do Brasil, André Brandão,…