Por pbagora.com.br

O PMDB da Paraíba vai realizar seu Congresso Estadual no próximo dia 08, no salão Paraíba do Hotel Tambaú, em João Pessoa, reunindo os dirigentes municipais do Partido de todos os 223 municípios paraibanos, prefeitos, vereadores, deputados estaduais e federais, além de nomes nacionais da agremiação e da Fundação Ulysses Guimarães. O evento será aberto às 9:30h e prosseguirá por todo o dia.

O presidente estadual do PMDB, Antonio Souza da Silva, já confirmou a presença do governador José Maranhão e está formalizando convites aos presidentes do Senado, José Sarney e da Câmara Federal, Michel Temer; à presidente do Diretório Nacional em exercício, deputada federal Iris de Araújo; e ao presidente nacional da FUG, deputado federal Elizeu Padilha, além de representantes do PMDB Jovem e do PMDB Mulher.

A iniciativa do PMDB paraibano já é uma preparação para o Congresso Nacional do partido. E o tema, tanto no Estado quanto a nível nacional, será “A Proposta do PMDB para Governar o Estado e o Brasil.

“O PMDB e a FUG pretendem reunir as bancadas federal, estadual, executiva, prefeitos, associações de prefeitos, além do primeiro escalão do segmento peemedebista que está no governo, secretários de estado, diretores-gerais de secretarias. Ao reunirmos tantas lideranças, esperamos que elas contribuam com o nosso Plano de Governo, para avançarmos naquilo que for fundamental à Paraíba e ao Brasil, utilizando suas experiências como gestores públicos”, ressaltou o presidente Antonio Souza da Silva.

A direção nacional do partido, juntamente com a direção da Fundação Ulysses Guimarães pretende, com tal iniciativa, dotar o PMDB do principal requisito para que ele possa postular, com a indispensável legitimidade política, aos mais elevados cargos do país. Uma Proposta de Como Governar.

Uma proposta, segundo o presidente Michel Temer, que assegure avanços para a Nação e para o Estado, construída a partir das contribuições dos companheiros de todos os quadrantes, “será o cimento que poderá unir todos os peemedebistas, tornando-o, então, verdadeiramente, o maior e mais importante partido político dos brasileiros.

A estratégia adotada pelos peemedebistas paraibanos será de dividir o Plano de Governo em áreas temáticas, com um coordenador em cada uma delas, e assim discutir de forma mais aprofundada questões ligadas a educação, saúde, segurança e social. As coordenadorias do estado terão representação nestes grupos e, posteriormente, irão reunir tais coordenadores para executarem a metodologia adotada, com a finalidade de conciliar as sugestões ao Plano de Governo Estadual, bem como ao que será encaminhado ao Congresso Nacional do PMDB.

A decisão do Diretório Estadual do PMDB e da Fundação Ulysses Guimarães, no Estado, é muito criteriosa. “Nós sempre tivemos a tradição, de que os partidos, de um modo geral no Brasil, só se mobilizam em período eleitoral, o que é muito pouco. Hoje podemos mostrar a sociedade que o PMDB está mudando”, afirmou Antonio Souza. Além disso, ele vê essa mudança, como uma oportunidade de inserir o partido na sociedade, para que as pessoas dêem suas sugestões e tentem aprimorar a participação.

 

 

Assessoria

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Opinião: tendo assinado contrato com empresa investigada na Calvário, Edilma não fará aliança com RC num 2º turno

O leitor, e ao mesmo tempo eleitor, certamente já notou certo clima de cordialidade entre os candidatos a prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho (PSB) e sua adversária, Edilma Freire…

Calvário: PGE não descarta responsabilizar autor de fake news contra o governo

O Procurador Geral do Estado da Paraíba, Fábio Andrade, desmentiu, durante entrevista nesta tarde a informação divulgada, na manhã desta terça-feira (27), por veículos de imprensa nacionais sobre a informação…