Muitos motoristas paraibanos reclamam de buracos nas ruas e avenidas das suas cidades e estradas, mas um levantamento do Departamento Estadual de Trânsito da Paraíba (Detran) apontou que dos 1.314.048 veículos ativos no Estado, 44%  deste total (578.181) circulam de forma irregular, no Estado e a acusa principal não é a idade dessa frota, mas sim o não pagamento Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA).

 

Segundo o código de trânsito se esses veículos forem flagrados em uma blitz, ficarão recolhidos para um dos pátios do órgão de trânsito. Enquanto caminhões e ônibus de grande porte, a exemplo do transporte escolar, são vistoriados regularmente pelos órgãos de trânsito municipais, no caso das cidades com trânsito municipalizado, ou pelo Detran-PB, por meio de ações com o Ministério Público da Paraíba (MPPB). Para os carros de pequeno porte não há pelos órgãos de transito essa periodicidade, pois é de responsabilidade dos motoristas as manutenções preventivas para que o carro e a moto tenham boas condições de tráfego.

 

Para o diretor de Operações do Detran-PB, Orlando Soares, os veículos de pequeno porte ou de passeio não passam por vistorias. “Eles só passam por uma vistoria hoje se o proprietário for transitar com um processo de transferência de propriedade ou de domicílio ou alteração que o dono queira fazer no veículo. Salvo isso, ele renova o carro sem problema”, destacou.

 

Redação

 


Leia mais notícias sobre o mundo jurídico no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Opinião: João Azevêdo mostra capacidade política e pede que membros do PSB “se desarmem”

O mito criado sobre a figura do governador João Azevêdo (PSB), que o jogava como grande técnico administrativo, não possuindo, no entanto, características necessárias para caminhar nas alamedas tortuosas da…

Saiba como se dá escolha de candidatos para eleições municipais

Não há eleições ordinárias em 2019, mas a Justiça Eleitoral e os partidos políticos já estão em plena preparação para as Eleições Municipais de 2020. Essa antecipação se justifica pelo…