Por pbagora.com.br

Em entrevista a imprensa o líder do governo na Assembleia Legislativa da Paraíba ALPB, deputado Ricardo Barbosa (PSB), fez uma avaliação sobre as medidas adotadas pelo governador João Azevêdo (Cidadania) que segundo ele, contribuíram para que o estado venha sendo um dos de menor taxa de transmissibilidade do país do coronavírus.

“Tempestivas, acertadas e inadiáveis. Foi graças ao trabalho competente e ao esforço do governador e de sua equipe que a Paraíba registrou os menores índices de contaminação e de óbitos do país. PB está entre os estados de menor taxa de transmissibilidade”, disse o líder do governo na ALPB, ao apresentar ontem (01), um requerimento à Mesa Diretora do Legislativo em que sugere a prorrogação, por mais 15 dias, do decreto estadual nº 40.135, que estabelece medidas emergenciais de combate à pandemia.

O decreto do governador passou a viger no dia 22 de março e tem validade até o próximo dia 6. O próprio texto do decreto, ao afirmar que as medidas teriam prazo de 15 dias – como o fechamento do comércio, restaurantes e bares, por exemplo – registrava que esse período era “passível de prorrogação”.

 

Redação

Notícias relacionadas

Após convite de Pedro para ir para o PSDB, Nilvan sentencia: “Vou analisar”

Nesta quinta-feira (06), o comunicador Nilvan Ferreira (MDB), que ficou em 2º lugar nas eleições municipais de 2020 para a Prefeitura de João Pessoa, confirmou durante entrevista ao sistema Arapuan…

Wallber freia tese de Cabo Gilberto sobre coalizão com PSDB para 2022

O deputado estadual Walber Virgolino, que é o atual presidente do Patriotas na Paraíba, puxou o freio do colega de bancada, o deputado estadual Cabo Gilberto (PSL) e frustrou a…