Por pbagora.com.br

A menos de cinco dias da realização das eleições municipais, o portal PBAGORA em parceria com o instituto Datavox, apresenta pesquisa onde revela o índice de aprovação da administração do governador João Azevêdo (Cidadania) em Bayeux. Os números foram divulgados nessa quarta-feira (11).

A pesquisa, aponta que a aprovação da gestão João Azevêdo (Cidadania) chega aos 61% na cidade, enquanto os que desaprovam chega aos 31% e os que não sabem ou não quiseram opinar somam 8%.

Confira no gráfico:

SOBRE A PESQUISA

A pesquisa Datavox foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral no dia 05 de novembro de 2020 com o Protocolo – PB – 05123/2020 – TSE – TRE. As entrevistas foram realizadas no dia 08 de novembro do mesmo mês e ouviu 400 pessoas com mais de 16 anos.

O intervalo de confiança estimado é de 95,0% e a margem de erro máxima estimada é de 4,9% pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra.

As entrevistas foram pessoais com utilização de questionário elaborado de acordo com os objetivos da pesquisa e foram realizadas por uma equipe de entrevistadores do DATAVOX – Pesquisas de Opinião Pública e Estatísticas Ltda, devidamente treinada para abordagem na zona urbana, nos bairros Alto da Boa Vista, Jardim Aeroporto, Rio do Meio, Mário Andreaza, Comercial Norte, Tambay, Brasília, Centro, Imaculada, Jardim São Vicente, Jardim São Severino, Sesi, São Bento e Baralho.

Ainda conforme a pesquisa, as perguntas cujas somas das percentagens não totalizam 100% são decorrentes de arredondamentos ou de múltiplas respostas.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Com diagnóstico de diabetes, prefeito reeleito no Sertão da PB está internado com Covid-19 desde o dia 22 de novembro

O prefeito reeleito do município de São José de Espinharas, Netto Gomes, do Progressistas, foi internado essa semana após ser diagnosticado com a Covid-19. O gestor está no Hospital Regional…

Opinião: Nilvan vai à contramão da Justiça ao garantir início das aulas em janeiro, caso seja eleito

Restaurantes, bares, praias lotadas. Comércio funcionando para recuperar as perdas financeiras decorrentes à primeira onda da Covid-19. Distanciamento social cada vez mais negligenciado. O uso da máscara como acessório básico…