Apesar da Amazônia estar distante da Paraíba, e ter chamado a atenção de lideranças políticas do mundo inteiro, o tema entrou na agenda dos parlamentares do Estado. A deputada estadual Estela Bezerra, do PSB, afirmou que o presidente da República Jair Bolsonaro (PSL), foi negligente da a floresta tida como o “pulmão do mundo”.

Estela Bezerra apresentou na Assembleia Legislativa, um voto de repúdio ao presidente Jair Bolsonaro, argumentando falta de políticas públicas e desflorestamento da Amazônia.
Nas redes sociais, a deputada disse que o presidente era negligente com a Amazônia e elencou as consequências dessa decisão.

– Salve a Amazônia! Salve o mundo! O pulmão do mundo não é a Floresta Amazônica, o pulmão do mundo são os oceanos. Mas a Floresta Amazônica tem uma grande importância no equilíbrio ambiental, climático e da sobrevivência da nossa espécie – argumentou Estela, durante entrevista na Rádio Correio FM.

Mostrando o seu lado ambientalista, a parlamentar enfatizou que a espécie humana não existe sem a cobertura vegetal e que a cobertura vegetal da Amazônia não diz respeito somente ao Brasil, mas aos países da América Latina.

– Quando eu falei do voto de repúdio ao governo federal, na pessoa do presidente e do ministro do Meio Ambiente, não era por conta das queimadas e do incêndio. É porque o Inep, que é o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas, indica em imagens de satélites que de janeiro para cá, nós aumentamos 258% da área de desmatamento – concluiu a deputada.

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“Não vamos desistir”, diz Wilson Filho sobre tolerância em estacionamentos

O deputado estadual Wilson Filho (PTB), presidente da Frente Parlamentar em Defesa do Consumidor, lamentou a falta de interesse dos shoppings em construírem um consenso junto à Frente e aos…

Galdino sepulta crise no PSB e diz que foco agora é a governabilidade

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Adriano Galdino (PSB) colocou uma pedra na crise que ainda assola o PSB e avisou, durante entrevista nesta quarta-feira (18), que o assunto…