O secretário de Desenvolvimento Urbano da prefeitura municipal de João Pessoa, Zennedy Bezerra (PV) minimizou a ação orquestrada pela gestão municipal, durante a madrugada, que apreendeu 160 carrinhos de mão utilizados por ambulantes para comercializar produtos pelas ruas da Capital em locais irregulares ou indevidos para o comércio.

Segundo o secretário, a ação não mirou os ambulantes, mas sim os fornecedores, proprietários dos carrinhos que utilizam a mão de obra de pessoas em situação de vulnerabilidade para fazer o trabalho, de forma irreglar, nas ruas.

“Primeiro devemos separar o joio do trigo. A ação foi específica no mercado central, que é um mercado público aqui da cidade, e a ação foi em cima dos fornecedores. É importante perceber que os fornecedores do mercado central, que têm boxes no mercado central estão contratando terceiros e essas pessoas, de forma muito vulneráveis do ponto de vista econômico e financeiro estão sendo escravizadas por esses fornecedores, por isso estamos tentando inclusive entrar com uma ação no Ministério Público de Trabalho para verificar essa relação de trabalho desse pessoal em relação aos terceiros que estão ocupando irregularmente ou indevidamente as ruas, então foi uma ação específica, não foi contra ambulante nem contra comerciante”, explicou.

Zennedy garantiu que o ambulante que trabalha por conta própria, para sustento próprio e da família será chamado para esclarecer a situação e posteriormente será realocado para os locais pré-definidos pela prefeitura. Ainda conforme o secretário, esse tipo de ação é constante e não tem para acabar.

“Não tem prazo final para isso. Em relação aos ambulantes eu quero dizer o seguinte. Os ambulantes mesmo, aqueles que precisam trabalhar, precisam ter seu sustento, esses a gente vai conversar um a um, no diálogo, no convencimento, não vamos fazer nenhum trabalho truculento, a gente vai conversar com um de cada vez, estes não serão retirados, eles serão realocados”, explicou.

A partir de maio a prefeitura deve nomear 70 novos agentes de controle urbano que foram aprovados no último concurso para reformar a vigilância nas ruas e evitar que as ocupações voltem a acontecer.

“Teremos um efetivo que irá ocupar a as ruas de joao pessoa para a gente evitar esse desordenamento”, arrematou.

 

PB Agora

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Gervásio reage a tentativas de incêndio no PSB: “Eu conheço a roda de babões”

O deputado federal Gervásio Maia (PSB) fez um desabafo e criticou, nesta sexta-feira (20), aqueles que querem a divisão do PSB na Paraíba. Tachando de ‘babões’ àqueles que ficam sempre…

VÍDEO: em meio à crise no PSB, Sandra afaga ego da gestão Cartaxo

A vereadora socialista Sandra Marrocos (PSB) surpreendeu na noite dessa quinta-feira (19) durante assembleia do Orçamento Participativo na região dos Bancários promovida pela gestão do prefeito Luciano Cartaxo, ao elencar…