Foto: Keicy Victor

A deputada estadual Cida Ramos (PSB) não economizou nos adjetivos negativos ao presidente da República Jair Bolsonaro (PSL) após a sua companheira de partido, Estela Bezerra, apresentar Voto de Repúdio ao presidente.

A matéria foi pivô de um intenso debate na manhã desta quarta-feira (28), na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) sem nem sequer ter sido apreciada pelos parlamentares. O anúncio da tramitação do texto foi o bastante para elevar a temperatura no plenário.

Após o presidente Adriano Galdino (PSB) se posicionar contra o Voto de Repúdio a Jair Bolsonaro, a deputada Cida Ramos pediu a palavra:

– É uma personalidade grotesca. É uma personalidade grosseira do presidente. Ele não apenas causa, achando pouco ainda se dirige de forma, eu diria, muito, mas muito vergonhosa ao presidente da França e a primeira dama. Eu como mulher me senti, com deficiência, e ele não respeita. O problema do presidente, no trato individual, é que ele não respeita ninguém que seja diferente. Não respeita a mulher com deficiência, nem as pessoas com deficiência. Não respeita uma mulher que tenha idade e que tenha um relacionamento. Chega a ser vergonhoso a forma deselegante como ele se dirige as mulheres.

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Indicado por RC na disputa para o Senado, Luiz Couto fica com João

Indicado pelo ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) na disputa pelo Senado Federal, em 2018, o ex-deputado federal e atual secretário de Agricultura Familiar do Governo do Estado, Luiz Couto (PT), já…

Oposição pede vistas da Reforma da Previdência da Paraíba, na ALPB

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) discutiu, nesta terça-feira (10), o Projeto de Lei Complementar que prevê mudanças no sistema previdenciário dos servidores…