O deputado estadual Walber Virgulino (Patriotas) não aceitou o texto da Reforma da Previdência Estadual da forma que foi enviado para a Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) e defendeu, nesta quinta-feira (12), que da mesma forma que foram realizadas concessões para os militares, seja extensivo também para outras categorias, a exemplo da Polícia Civil, do Sistema Previdenciário e dos professores. Ele ressaltou que o Governo não pode mexer no texto geral, mas as normas específicas cabem a cada parlamento legislar sobre elas.

“O Governo Bolsonaro legislou sobre normal geral. A gente não pode aqui reduzir alíquota, mas normas específicas a gente pode alterar. A gente pode aqui incluir Polícia Civil, Sistema Penitenciário de conformidade com o que a PM ganhou, a Educação, então tem que haver o debate. Eu não sou dono da razão e nem conheço a matéria por completo. O que a gente quer é debater, é escutar as pessoas que irão ser prejudicadas. O debate vai haver, vamos conversar com as lideranças para se discutir uma audiência pública. A Assembleia torou a corda com a população, mas ainda bem que a população acordou”, destacou.

Sobre a possibilidade de uma audiência pública ainda nesta quinta-feira, Virgulino descartou devido a exacerbação dos ânimos das categorias, mas enfatizou a necessidade do debate amanhã, ou na próxima semana, para que os servidores não sejam penalizados, sem reajuste e agora com um decréscimo em sua remuneração.

“Graças a Deus o povo acordou, o servidor público acordou. Essa Assembleia por muito tempo fez injustiças contra o servidor, mas agora as redes sociais proporcionam com que o povo saiba que deputado está do lado do povo e qual não está. Hoje a máscara caiu e a gente está podendo ver a sociedade dentro da Casa dela reivindicando seus direitos”, emendou.

Com informações de Eliabe Castor

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Veneziano destina emenda de R$ 2 milhões para ações de combate ao coronavírus na PB

O senador Veneziano Vital do Rêgo (PSB-PB) destinou emenda parlamentar no valor de R$ 2 milhões para serem investidos nas ações de combate, prevenção e tratamento do Covid19, doença causada…

Líderes da situação e oposição na ALPB falam sobre a importância da união das forças contra o Covid-19

Neste momento, de pandemia coronavírus (Covid-19), esta doença provocou pelo menos um fator positivo na politica, que é a união de forças contra a doença. Um exemplo disso, foi a…