Integrante da bancada de oposição na Assembleia Legislativa da Paraíba, o deputado estadual Manoel Ludgério (PSD) admitiu, essa semana, durante entrevista, sua simpatia pelo G11, sub-bloco formado dentro da base aliada por parlamentares que lutam por pautas específicas em prol da Paraíba. Ele explicou, contudo, que essa simpatia não significa adesão ao Governo e citou como exemplo o deputado Caio Roberto (PR) que é de oposição, mas compõe o grupo G11 na Casa.

– Pois é. Mas, quem me fez um convite para integrar o grupo do G11 foi o deputado Bosco Carneiro. Tratou comigo, mas não avançou. Se você observar, têm deputados também de oposição lá dentro, como o deputado Caio Roberto. Então, assim, é um grupo bem eclético. E tem a minha simpatia, sim – admitiu.

O fato é que os deputados que integram o G11 na Assembleia Legislativa da Paraíba querem ampliar o agrupamento político e investem em busca de parlamentares da oposição.

O deputado estadual João Bosco Carneiro Júnior confirmou, durante entrevista nesta quarta-feira (14), que convidou o deputado estadual Manoel Ludgério (PSD) para se juntar ao grupo. Bosco disse que ligou pessoalmente para Ludgério e fez o convite

– Deputado Manoel Ludgério é atuante, tem na verdade muitas qualidades e sempre se deu bem com todo mundo na Casa. Fizemos esse convite porque o grupo parlamentar quanto mais fortalecido estiver, mais pode atuar na Casa. Ele ficou de fazer as avaliações políticas dele e estamos aguardando – destacou.

O poder do bloco não se esgota no número de deputados; o novo G11 conta com a simpatia de oposicionistas e governistas que já se colocaram à disposição para debater ações pautadas pelo grupo.

Os parlamentares que integram o bloquinho, que na verdade virou um ‘Centrão’, entendem que não têm necessidade de votar incondicionalmente apenas numa linha, ou seja, com o governo ou contra. São deputados dispostos a analisar e votar os projetos com bom senso e de acordo com suas convicções.

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

IMPASSE: Cida Ramos vê futrica em tese de rompimento no PSB

A tese de rompimento entre o governador João Azevêdo (PSB) e o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) por conta do impasse envolvendo o PSB paraibano foi eliminada pela deputada estadual Cida…

Opinião: Cartaxo observa a crise no PSB como “tábua de salvação”, mas o PT não permitirá sua redenção

O impasse foi formado. Efetivamente há uma quebra de unidade nas hostes do PSB. Uma formação foi dissolvida, afetando a ordem unida do grupo, não estando em compasso soldados e…