O MDB de Guarabira já está se articulando para formar uma ampla frente de oposição ao grupo que hoje está no comando do município liderado pelo prefeito tucano Zenóbio Toscano.

Nesta fase inicial, a estratégia emedebista é minar o terreno dos adversários, investindo na conquista dos dissidentes. Por dissidentes entenda-se tanto os do grupo do prefeito Zenóbio, como os da terceira via (girasóis). Em amenos os grupos há racha em andamento.

Sobre o projeto do MDB em Guarabira, obrigado estadual Ranieri Paulino disse: “Nós estamos nos movimentando. Existem cismas nos nossos adversários do grupo do governo municipal; existe racha no Girassol, que é o terceiro grupo; e eu tenho dialogando com as dissidências desses grupos. Tenho dialogando com a dissidência do prefeito Zenóbio.”

O deputado antecipou que a oposição em Guarabira vai receber um grande reforço agora com o rompimento de Teotônio, que é pré-candidato a prefeito e sua esposa que é vereadora, com o prefeito Zenóbio.

Nas hostes do PSB, em relação ao presidente da Câmara, Marcelo Bandeira, e aqueles outros que coordenavam o partido que eram os representantes do Governo, das operações e das organizações girassóis em Guarabira. Então, essa dissidência também tem dialogando conosco.

Nós queremos fazer uma ampla frente de oposição e, naturalmente, o MDB como partido que está originariamente na oposição e tem tido votações expressivas, estará, também, se colocando à disposição para formar um grande arco de aliança e fazer face a esse grupo política que está no poder em Guarabira hoje.

O deputado Raniery Paulino disse que não tem ideia fixa sobre colocar seu nome para disputar a Prefeitura de Guarabira. “Essa decisão não é minha. Pertence a esse arco de alianças e, naturalmente, pela minha maior referência política, que é Roberto Paulino. Ele vai, inclusive, dentro do nosso grupo dar toda a orientação, que vamos seguir na íntegra”.

Perguntado se em Guarabira teria nomes fora da família Paulino e do grupo liderado por Zenóbio Toscano com cacife para disputar a sucessão municipal, Raniery disse que sim. Ele acha que na Câmara de Vereadores pode sair nomes com competitividade para disputar a Prefeitura. “Tem também lideranças políticas de Guarabira que, embora estejam sem mandato, que também podem disputar o cargo de prefeito.”

Sobre o seu nome propriamente dito, Raniery afirmou que não está forçando barra e caso o MDB exija que ele dispute vai encarar como uma missão partidária. “Se esta for a missão, irei para ganhar. As quatro eleições que dispute, ganhei todas. Só entro pra ganhar. Inclusive, tenho projetos para Guarabira e independente.de ser eu o candidato eu vou oferecer esses projetos àquele que for candidato da frente de oposição. Candidato que reúna o consenso do grupo”.

Raniery Paulino deixou claro preferir o nome do seu pai, o ex-governador Roberto Paulino.

 

Wellington Farias
PB Agor

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Jackson Macêdo é reeleito presidente estadual do PT da PB

A etapa estadual do 7º Congresso Nacional do PT – Lula Livre, definiu novas diretrizes as lutas políticas do Partido dos Trabalhadores na Paraíba (PT/PB). O encontro aconteceu neste sábado…

João realiza visitas técnicas e anuncia investimentos em Alhandra

O governador João Azevêdo realizou, neste sábado (19), visitas técnicas às obras de construção de uma unidade escolar e do Centro de Distribuição do Magazine Luiza, no município de Alhandra.…