Empossado nesta semana como o novo ministro das Cidades pela presidente Dilma Rousseff, Gilberto Occhi está envolvido em um processo que envolve supostas ameaças a uma cliente da Caixa Econômica Federal, banco do qual ele foi o superintendente, noticia neste sábado o jornal Folha de São Paulo.

O processo resultou em uma condenação da instituição financeira pela Justiça em fevereiro de 2011.

O caso – segundo o jornal – teve início em 2005, em Sergipe, quando Sheila Cristina Oliveira de Jesus contratou um financiamento para a aquisição de um imóvel.

Uol

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Para jornal francês, Congresso é casa de “300 ladrões com título de doutor”

Em longo artigo sobre a composição e a atuação do Congresso Nacional, o jornal francês Le Monde Diplomatique traça um perfil pouco edificante da maior casa do poder legislativo brasileiro.…

Nabor defende união de forças da classe política após renúncia de prefeito de Patos

Após a renúncia ao cargo de prefeito pelo interino Sales Júnior, no município de Patos, o deputado estadual Nabor Wanderley destacou a necessidade de união em prol da cidade. Sales…