Por pbagora.com.br

O candidato a prefeito de João Pessoa, Nilvan Ferreira (MDB), anunciou, durante entrevista a uma emissora de TV local, caso seja eleito, deve realizar concurso para Guarda Municipal. O candidato também reafirmou que não terá lockdown na sua gestão e a equipe do primeiro escalão do Governo Municipal será composta por secretários de formação técnica.

Na segurança pública, Nilvan ressaltou a importância de realizar parcerias em projetos e ações para combater a violência na Capital. “A Guarda Municipal vai ajudar a ser um importante braço na segurança pública. Vou construir relações institucionais com o Governo do Estado. Treinar, armar, preparar os servidores e vou fazer concurso para mais 300 guardas municipais, eles serão fundamentais para construir um ambiente saudável, em conjunto com a polícia militar, para as pessoas se sentirem seguras”, comentou.

O candidato também explicou a formação do secretariado. “Já tenho os nomes definidos e não terei políticos no secretariado. O Trade Turístico é quem vai escolher o secretário de Turismo, por exemplo. Não fiz acordos políticos de secretarias e tenho liberdade pra isso. Fui o único candidato que não negociei secretarias. Todos os secretários serão técnicos e vou romper com estruturas antigas, com o jeito velho de fazer político. João Pessoa nesse momento de pós-pandemia requer uma gestão técnica. esse é o meu compromisso”, disse.

Durante entrevista, o candidato falou que não vai ter lockdown na sua gestão e que as escolas retornam suas atividades em janeiro do próximo ano. “Começo a abrir a etapa do ensino fundamental, a partir de 18 de janeiro, acompanhado de protocolos sanitários rígidos nos setores da rede privada de educação. Depois vou discutir de uma forma conjunta com a equipe de saúde a abertura gradativa com protocolos a rede municipal de ensino”, concluiu.

PB Agora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Notícias relacionadas

Morre vítima da covid-19, Ivanes Lacerda, ex-prefeito interino de Patos

Faleceu na tarde desta segunda-feira (25), o ex-prefeito interino de Patos Ivanes Lacerda, 74 anos. O político não resistiu as complicações causadas pela covid-19. Lacerda estava internado em hospital particular…