Nesta terça-feira (17), a Câmara Municipal de Bayeux julga mais uma denúncia seguida de pedido de afastamento do prefeito Berg Lima. Neste novo processo, Berg a Câmara julgará supostas compras irregulares, feitas pelo gestor, de cones para o departamento de trânsito e de aparelhos de ar condicionados.

Consta na denúncia contra Berg que haveria sido o pagamento referente a compra, ma que o material não teria sido entregue, além de indícios de superfaturamento e fraudes em processos licitatórios.

De acordo com o Regimento Interno da Casa, para aprovar o afastamento do prefeito, são necessários dois terços dos votos do colegiado de 17 vereadores. O parlamento municipal já arquivou dois pedidos de afastamento do prefeito por não conseguir os votos necessários para a aprovação do texto.

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“Eu fico do lado dos especialistas”, diz secretário de saúde de JP ao ser contra reabertura do comércio

Ao ser indagado se apoia a decisão da reabertura do comércio, posição essa defendida pelo presidente da República, Jair Bolsonaro que é contrario ao isolamento social devido a pandemia do…

Maior hospital de CG começa a ser preparado para receber pacientes com coronavírus

Com as expectativas dos setores da saúde pública mundial e nacional do crescimento de casos do coronavírus no Brasil, o sistema de saúde pública do Estado da Paraíba, já se…