O deputado Ricardo Barbosa (PSB), líder do governo João Azevêdo na Assembleia Legislativa da Paraíba ALPB) declarou na manha desta sexta-feira (31), durante entrevista a uma emissora de rádio de João Pessoa, achar válida a atuação do G10 quanto base de situação na Casa.

Barbosa destacou que o objetivo para que houvesse a criação do chamado 'bloquinho' foi a tentativa de ocupar espaços, principalmente nas comissões, intuito que  foi conseguido.

Ele ressaltou ainda que não se deve falar sobre um G10 já com ares de rompimento, já que ele diz desacreditar que isso vai acontecer.

"Faço minhas as palavras de Adriano Galdino, o G10 é governo e será compreendido e respeitado como tal. O G10 foi formado com o objetivo de ocupação de espaços e conquistou. Se houver, mas não vamos criar fatos antes que ele existam, se houver num futuro próximo ou a qualquer tempo durante essa legislatura um enfrentamento do G10 com outro viés que não seja o de participação legislativa e sim de enfrentamento ao governo aí a gente vai fazer a leitura a época se isso houver, mas eu não acredito que aconteça" declarou.

PB Agora

 


Certificado digital mais barato para advogados e contadores. Clique e saiba como adquirir

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Veneziano garante trabalhar por fim de impasse no PSB-PB: “Precisamos estar unidos”

O conflito interno vivido pelo PSB-PB tem dividido opiniões de integrantes da sigla. Há quem defenda a permanência de Edvaldo Rosas da presidência estadual da legenda, mas há também aqueles…

RC cobra investigação para arrombamento de escritório em JP

O ex-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), presidente da Fundação João Mangabeira, está cobrando investigação para apurar o arrombamento de seu escritório, em João Pessoa, ocorrido na noite de ontem,…