Por pbagora.com.br

A medida que as eleições de 2018 se aproximam, assim como a data limite para a desincompatilização (7 de abril) daqueles que pretendem disputar, cresce também a expectativa em torno das alianças partidárias, das definições de chapas e, principalmente, se o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), deixará o cargo para disputar vaga no Senado ou não.

Preocupado com os rumos da Paraíba, o deputado estadual Anísio Maia (PT) resolveu dar conselhos ao chefe do Executivo estadual. Anísio sugeriu que Ricardo escute os partidos aliados da base e que procure também a vice-governadora Lígia Feliciano (PDT) para debater o andamento da Paraíba até o último dia de 2018.

– Fico em dúvida se é melhor ele [Ricardo] continuar no governo ou se é melhor ele disputar o Senado. Como senador seria ótimo, mas nós não sabemos o que acontece na hora em que ele se afastar do governo. Por isso que era bom conversar com a vice-governadora, com os nossos aliados, no campo democrático, para que isso não fosse uma coisa tomada de última hora e talvez causasse sério prejuízo à Paraíba.

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Wilson Filho lança Cartilha para orientar população sobre atribuições dos vereadores

Com o objetivo de garantir à população informações para melhor escolher seus representantes nas eleições deste ano, o deputado estadual Wilson Filho (PTB) lança nesta quarta-feira (28) a ‘Cartilha de…

Ex-candidato a vice do Patriota troca candidato da sigla por Bruno, em CG

Wanderley Sobral que renunciou a disputa pela vaga de vice na chapa do candidato Edmar Oliveira, do Patriota, na disputa pela prefeitura de Campina Grande, reapareceu e anunciou adesão a…