Por pbagora.com.br

O Ministério Público Eleitoral na Paraíba deve investigar possíveis irregularidades praticadas por órgão ligado à Prefeitura Municipal de João Pessoa durante a campanha eleitoral de 2018. 

O MPE, de acordo com o procurador Sérgio Rodrigo Pimentel de Castro Pinto, solicita a apuração de irregularidades possívelmente praticadas pela Secretaria de Habitação de João Pessoa. De acordo com o órgão, existe a possibilidade de que prestadores de serviço a esta secretaria tenham sido obrigados a participarem da última campanha eleitoral. No pleito, o irmão do prefeito Luciano Cartaxo, Lucélio Cartaxo, concorreu ao cargo de governador da Paraíba.

O procurador pede também que seja apurada a informação de que veículos oficiais teriam sido usados em eventos da campanha eleitoral. 

Confira despacho datado no último dia 14 de dezembro:

""

PB Agora

 

 


Leia mais notícias sobre o mundo jurídico no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Notícias relacionadas

Câmara de João Pessoa volta às sessões remotas por conta do avanço da covid-19

A Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) passará a ter sessões e reuniões de comissões de apenas remotas a partir desta terça-feira, 9. A medida foi adotada pelo presidente da…

Senadores Nilda e Veneziano manifestam homenagens às mulheres no Dia Internacional da Mulher

A importância de lutar pela igualdade de direitos entre homens e mulheres foi registrada pelos senadores Nilda Gondim (MDB-PB) e Veneziano Vital do Rêgo (MDB-PB), em homenagem ao Dia Internacional…