Foi instaurado pelo Ministério Público da Paraíba (MPPB )um procedimento para investigar uma suposta falta de atenção à escala de trabalho,além de ausência de remuneração extra, perseguição e assédio praticados pelo secretário de Desenvolvimento Urbano de João Pessoa, Zennedy Bezerra.

Com base em texto publicado do Diário Oficial do órgão, Zennedy, através de mensagens enviadas por um coordenador no WhatsApp, teria convocado agentes de maneira injustificada à inauguração do Parque Municipal Arruda Câmara (Bica), no dia 5 de agosto.

Ainda segundo o inquérito, no dia posterior ao evento, o secretário teria recolhido os nomes dos servidores que não compareceram ao local com intuito de instaurar uma apuração disciplinar.

A portaria foi assinada pelo promotor de Justiça, Adrio Nobre Leite.

 

PB Agora

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Hervázio ratifica amizade por Cícero Lucena e minimiza rompimento político

Em longa entrevista concedida a uma emissora do Brejo paraibano essa semana, o deputado estadual licenciado Hervázio Bezerra (PSB) enalteceu, entre outras coisas, sua amizade com o ex-senador Cícero Lucena…

Gervásio reage a tentativas de incêndio no PSB: “Eu conheço a roda de babões”

O deputado federal Gervásio Maia (PSB) fez um desabafo e criticou, nesta sexta-feira (20), aqueles que querem a divisão do PSB na Paraíba. Tachando de ‘babões’ àqueles que ficam sempre…