Por pbagora.com.br

Nesta sexta-feira (25) a Ação de Impugnação de Registro da Candidatura de Anísio Maia (PT) foi juntada aos autos do processo do Ministério Público Eleitoral.

No documento assinado pelo promotor de Justiça Alexandre Varandas Paiva, o MPE ressalta que a realização de nova convenção partidária, legitimamente executada pelo diretório nacional do PT, anulou parcialmente o resultado de deliberação (CHAPA
MAJORITÁRIA), excluindo o nome de Anísio da candidatura a prefeito, retirando-lhe o requisito essencial ao deferimento do seu pedido de registro.

O documento ainda informa que Anísio após notificado terá sete dias para apresentar a defesa e que caso esteja “a matéria fática provada por documentos, sem necessidade de dilação probatória, seja julgada procedente a impugnação para indeferir-se o pedido de registro de candidatura do Impugnado”.

Confira no link:

AIRC ANISIO MAIA

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Polícia Federal usa drones para fiscalizar eleições 2020

A Polícia Federal, com o objetivo de auxiliar na prevenção e repressão de crimes eleitorais, utilizará 100 Aeronaves Remotamente Pilotadas (drones), em todo o território nacional nas Eleições 2020. Os…

Visitas e encontros, marcam a agenda dos candidatos e da candidata a prefeito de Campina Grande nesta terça

Visitas, encontros, entrevistas e gravação para o guia eleitoral marcam a agenda dos candidatos e da candidata a prefeito de Campina Grande nesta terça-feira (27). Confira a agenda dos seis…