O vereador Fernando Milanez (PMDB) dirigiu nesta quarta-feira (22) mais uma crítica ao governo Maranhão III. Ele subiu à tribuna da Câmara Municipal de João Pessoa para criticar o excesso de pontos facultativos nas repartições públicas do Estado em períodos de “feriadão”.

“Na Semana Santa, o Estado parou na quarta e só retornou na outra segunda. Em menos de uma semana, imprensou o feriado da terça com a segunda e decretou ponto facultativo”, reclamou. Para ele, o excesso de ponto facultativo é uma provocação da imensa classe de trabalhadores.

“Para que parar na segunda se ninguém parou”, questionou.

O vereador, que é do PMDB, terminou o discurso elogiando a postura do prefeito Ricardo Coutinho (PSB), que não liberou os servidores na segunda-feira, dia 20. “O prefeito Ricardo Coutinho está há cinco anos na administração e nunca deu um ponto facultativo. O governo do Estado que assumiu recentemente não pode se dar ao luxo de parar”, declarou.

 
PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Opinião – Depois da pandemia virá a mais difícil tarefa para os governantes: o ressurgir das cinzas

A tarefa prevista para os chefes de Executivo, em todos os níveis, para o pós-pandemia, não é missão para qualquer um. Principalmente no tocante aos governadores de Estado. Ao final…

Opinião: Bolsonaro desrespeita a “tradicional família” e choca a Pátria Amada com linguajar de manichula

Quem assistiu ao vídeo sobre a excêntrica reunião ministerial presidida por Jair Bolsonaro ficou estarrecido. Não havia como não ficar indignado e tomado por um sentimento deprimente de vergonha alheia.…