Azedou o sonho do ex-vereador Sérgio da Sac (SD) voltar para a Câmara Municipal de João Pessoa. A articulação não deu certo e o sentimento é de frustração dele e de aliados. O ex-parlamentar disputou as eleições de 2016 e obteve 3.321 votos e estava na coligação SD e PP.

 

A estratégia para o suplente de vereador voltar era simples: o vereador João Almeida (SD) assumiria a Superintendência da Polícia Rodoviária Federal (PRF), onde ele é inspetor. Mas um empecílio jurídico da Câmara vai impedir. Não ocorreu a aprovação de um dispositivo que alteraria a Lei Orgânica do Município, para permitir que um vereador pudesse assumir um cargo federal em nível de superintendência, assim tudo segue como está.

 

A não aprovação da lei gerou o impasse para saída de João Almeida e agora a PRF nomeou o novo superintendente. O vereador reclamou da burocracia da lei dizendo que um vereador pode assumir uma secretaria adjunta e não pode assumir um cargo Federal e chamou de absurso a incoerência, fato que segundo ele o prejudicou.

 

O ex-vereador Sérgio da Sac também ficou prejudicado e agora apenas licenças sem remuneração dos vereadores poderiam levá-lo para a Câmara.

 

Redação 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Efraim Filho se posiciona contra prorrogação de mandatos: “Consequências desastrosas”

“Só vejo uma possibilidade de cancelamento se realmente chegarmos em outubro sem conseguir ter condições de retornar às ruas e ao convívio normal”.A análise é do deputado federal Efraim Filho…

Ex-prefeito de Cubati José Medeiros Dantas morre vítima da Covid-19

A Federação das Associações de Municípios da Paraíba (Famup) lamentou, nesta sexta-feira (29), a morte do ex-prefeito de Cubati, José Medeiros Dantas, aos 89 anos, conhecido popularmente como Zezinho Preá.…