Por pbagora.com.br

O presidente da Câmara Municipal de João Pessoa, Marcos Vinícius (PSDB), em entrevista no fim da tarde desta quarta-feira (06) tratou com cautela notícias sobre a possibilidade de posse dele como prefeito interino da capital durante viagem do prefeito, Luciano Cartaxo (PV), a Polônia. 

Marcos esclareceu que obviamente no caso de concretização de sua posse, “será um prazer servir ao povo de João Pessoa”, mas que seu foco segue sendo o trabalho no Legislativo. “A vacância ocorre na ausência do prefeito e do vice-prefeito e até agora o que estou sabendo é o que vem sendo publicado na imprensa, mas sem dúvida seria motivo de alegria e orgulho capitanear interinamente a gestão do prefeito Cartaxo que tem mostrado grandes resultados para a população de João Pessoa”, reiterou. 

Questionado se já teria uma agenda para o possível  período frente ao executivo, Marcos voltou a afirmar que constitucionalmente só deve tratar de casos concretos. “Afinal, não há nada oficial ainda”, alertou.

“Não tenho pressa. Acho que no dia que acontecer de assumir a cadeira de chefe do Executivo será o momento definido pela vontade de Deus”. E completou: “Este é um assunto que realmente devemos tratar com cautela por estarmos falando de instituições sólidas e indispensáveis a democracia”, arrematou.

 

PB Agora

 

Notícias relacionadas

Efraim já contabiliza apoio de 83 prefeitos paraibanos na corrida para o Senado

O deputado federal Efraim Filho (DEM) recebeu o apoio de mais três prefeitos engajados no seu projeto de eleição para o Senado Federal nas eleições de 2022, contabilizando agora a…

Frente formada por PSB, PV, PCdoB, PT e PSOL não faz oposição a João Azevêdo

A frente formada pelos partidos PSB, PV, PCdoB, PT e PSOL, que se uniram contra o facismo e a favor da população para as eleições de 2022 não tem o…