Por pbagora.com.br

 Em mais uma entrevista concedida nesta quinta-feira (29), na rádio Campina Grande, o ex-governador e atual presidente estadual do PMDB José Maranhão, lamentou o apoio de sua irmã, a prefeita de Araruna Wilma Maranhão, ao senador Cássio Cunha Lima.
Pré-candidato a deputado federal, José Maranhão disse que apesar de Wilma Maranhão defender a aliança com os tucanos, ele continua honrando os compromissos firmados com os peemedebistas.

– Eu acho lamentável, pois é um fato que não condiz com a tradição da família. Se por um lado Wilma apoia Cássio, eu permaneço no partido com os mesmos compromissos com a história do PMDB que se confunde com a própria história da minha família – relatou.

Em um recado direto para a sua irmã, José Maranhão lembrou que amanhã será Amanhã será realizada a reunião do diretório estadual do PMDB, na Paraíba, para resolver questões que envolvem as eleições para governador e, em especial, a discussão sobre a fidelidade dos companheiros de legenda.
– A pauta é para tratar da questão da fidelidade – confirmou.

Essa semana o sobrinho de José Maranhão, o deputado federal e presidente estadual do Solidariedade, Benjamim Maranhão, anunciou o apoio a pré-candidatura ao governo do Estado do senador Cássio Cunha Lima.

Severino Lopes

PBAgora

Notícias relacionadas

Opinião: Bancada ‘Cara Pálida’!

O grande e excelente jornalista J. R. Guzzo, diretor editorial da revista Exame e colunista da revista Veja, no dia de hoje deu uma declaração triste sobre a bancada evangélica…

SUSTENTABILIDADE E GARANTIAS SOCIAIS: gestão Cícero inicia preparação de JP para o futuro

O prefeito Cícero Lucena completa 100 dias de gestão neste sábado (10) num processo de reconstituição da cidade de João Pessoa, que enfrenta, assim como todo o mundo, os efeitos…