Por pbagora.com.br

Candidato à reeleição pela Coligação Paraíba Unida, o governador José Maranhão (PMDB) revelou,  nesta quinta-feira, 15, que não teme as ações judiciais impetradas pelas oposições, especialmente as que acusam o governo de abuso de poder econômico.

“Eles tentam subverter as coisas. Nós temos como prática o respeito à lei”, disse Maranhão, que nesta quinta-feira fez uma visita institucional ao presidente do Tribunal Regional Eleitoral, desembargador Genésio Gomes Pereira Filho. A reação do governador se referiu à iniciativa dos advogados da Coligação Uma Nova Paraíba, que prepara uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral(AIJE) em que denuncia a prática de abuso de poder por parte do governo.

No que diz respeito as críticas feitas pelo ex-governador Cássio Cunha Lima de que o governador quer se “reeleger pelo WO sem disputar eleição”, mediante ações de impugnação impetradas pela sua coligação contra o ex-governador Cássio, Maranhão disse que o ex-governador “tem razão em se preocupar com o que está preocupado. O processo eleitoral não pode ser a lei da selva, ninguém está isento do que a lei estatui”, disse o governador Maranhão. “Quem quer fugir ao comando do estado de direito não dá bom exemplo”, acrescentou.
 

 

Redação com Paraiba.com

Notícias relacionadas

Levantamento do PB Agora contabiliza 10 nomes cotados para disputar única vaga da Paraíba no Senado em 2022

Um levantamento feito pela reportagem do PB Agora contabilizou ao menos dez nomes cotados para ingressar na disputa pela única vaga da Paraíba no Senado Federal nas eleições de 2022.…