O vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Júnior, deixou nas mãos do presidente do PSC na Paraíba, deputado Marcondes Gadelha a decisão sobre o seu futuro político.

O caso é que Manoel, que tem pré-candidatura posta ao Senado Federal, mas ainda não havia escolhido para onde seguir, se ficava na base do prefeito Luciano Cartaxo ou sem rompia,  após a desistência do senador Raimundo Lira viu na vaga da chapa de Lucélio uma oportunidade para ficar.

De acordo com Manoel o deputado Marcondes Gadelha deverá afunilar a partir de agora algumas questões para que ele fique ou não.

"Até então a chapa de Lucélio estava fechada com Cássio e Lira já a candidatura de José Maranhão não tinha nenhum nome fechando a chapa e caberá a Marcondes Gadelha afunilar todas essas questões para anunciar pra onde o PSC irá e o que devemos fazer" disse.

PB Agora

Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Opinião: a aliança do PRTB e PSL põe Eduardo Carneiro definitivamente na “busca” pela prefeitura de João Pessoa

O jornalista e teatrólogo Nelson Rodrigues ficou conhecido por suas obras. Isso é fato. Mas suas frases de efeito o eternizaram. Uma delas diz que “Ser bonita não interessa. Seja…

Ruy pondera sobre vice: “No momento certo vamos ter novidades”

Com pré-candidatura à prefeitura de João Pessoa consolidada e programa de governo concluído, o deputado federal Ruy Carneiro (PSDB) agora articula com suas bases a escolha do nome que irá…