A grave situação da segurança pública na Paraíba foi tema de um discurso do
deputado federal, Major Fábio (Pros-PB), na tribuna da Câmara. Ele
apresentou os dados do último Anuário da Segurança Pública, realizado pelo
Fórum Nacional de Segurança Pública, que coloca a Paraíba como o quarto
estado em índices de homicídios dolosos do Brasil, perdendo apenas para
Alagoas, Ceará e Pará.

-No Estado da Paraíba, que todo mundo aqui conhece como o paraíso da
tranquilidade, de 2005 até 2012, cresceu 186% o número de homicídios
dolosos, e, desses homicídios dolosos, 85% foram praticados por armas de
fogo, iniciou.

O Major Fábio disse que nem as igrejas estão livres dos constantes assaltos
na capital da Paraíba. “Todo o dinheiro arrecadado na procissão da Penha
foi levado pelos bandidos. Os assaltantes foram na casa do padre e levaram
o dinheiro. É isso o que tem acontecido constantemente na Paraíba, tem-se
perdido o controle”, alertou.

O parlamentar questionou as ações do governo do estado. “Em vez de aumentar
o investimento na segurança pública da Paraíba, diminui o investimento do
ano que vem. E a Paraíba já é o estado que menos gasta com segurança
pública no Nordeste”, reclamou.

Fábio também cobrou as promessas de campanha do atual governador da
Paraíba. “Disse que ia fazer em quatro anos o que não fizeram em 40,
prometeu maternidade em todos os municípios da Paraíba, infelizmente, não
tem feito muita coisa, nem dialogar com as categorias ele consegue. Como um
político não consegue dialogar com as categorias?”, criticou.

Ele também citou o aumento dos gastos com publicidade no orçamento anual do
governo. “Investe mais 58% em publicidade, diminui a segurança, mas aumenta
o investimento em publicidade. Eu acredito que é para que a publicidade
diga que a Paraíba é um paraíso. Mas a Paraíba é o quarto estado mais
violento deste País”, denunciou.

Assessoria

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Gaeco denuncia RC e mais seis por desvio de dinheiro em obra do Canal 40

O Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco ), do Ministério Público da Paraíba (MPPB), através da Comissão de Combate aos Crimes de Responsabilidade e à Improbidade Administrativa…

Vídeo: Berg tenta entregar carta renúncia da prefeitura, mas Câmara de Bayeux não aceita; Leia

O prefeito afastado do município de Bayeux, Berg Lima, surpreendeu a todos e tentou entregar uma carta renúncia, na tarde desta segunda-feira (13), na Câmara Municipal da cidade, mas o…