Mais um nome foi lançado para disputar a prefeitura de Cabedelo, após a renúncia do prefeito afastado Leto Viana nessa terça-feira (16).

O PSOL lançou na manhã desta quarta-feira (17) a pré-candidatura de Marcos Patricio que é presidente da sigla no município e protocolou denúncia e pedido de impeachment junto à Câmara Municipal de Cabedelo referente a supostos crimes praticados por Leto.

“O PSOL de Cabedelo, por todas estas razões, e com apoio da Direção Estadual e Nacional do Partido, terá candidatura própria nas próximas eleições municipais, através do companheiro Marcos Patricio, que articulará junto a outros seguimentos políticos e sociais da cidade a formação de uma grande frente progressista, que tenha em mente a necessidade de uma verdadeira e legítima transformação e renovação política na cidade, e que possa apontar para um novo caminho de desenvolvimento e moralidade”, diz trecho da nota emitida pela sigla.

Além de Marcos, o prefeito interino, Vitor Hugo já anunciou que também concorrerá no pleito que deve ocorrer em até 90 dias.

Outros nomes como da ex-primeira-dama Eneida Régis (PDT), Anísio Maia (PT), Arthur Cunha Lima Filho (Podemos), Trócolli Júnior (Podemos) e Sales Dantas, presidente do diretório do PSB na cidade também estão sendo cotados, mas nenhum confirmou a postulação até esta quarta-feira.

PB Agora

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Vídeo: Berg tenta entregar carta renúncia da prefeitura, mas Câmara de Bayeux não aceita; Leia

O prefeito afastado do município de Bayeux, Berg Lima, surpreendeu a todos e tentou entregar uma carta renúncia, na tarde desta segunda-feira (13), na Câmara Municipal da cidade, mas o…

Berg Lima renuncia à prefeitura de Bayeux e impõe eleições indiretas

Após não conseguir apresentar uma carta renúncia na tarde dessa segunda-feira (13), na Câmara Municipal de Bayeux, por conta da não aceitação por parte do presidente da Casa, vereador Inácio…