Por pbagora.com.br

Na Capital da Paraíba, 3.559 eleitores que estarão em trânsito no dia das eleições requereram a habilitação para votar nos cargos de presidente e vice-presidente da República em João Pessoa. Foram solicitadas 1.821 habilitações para votar no primeiro turno e 1.738 para o segundo turno.

O prazo para o eleitor solicitar em qualquer cartório do País a inscrição para votar em trânsito nas capitais terminou no último domingo (15), às 13 horas. Para receber os votos dos inscritos que estarão fora de seu domicílio eleitoral serão instaladas 3 seções no Hotel Tambaú, que fica na Avenida Almirante Tamandaré, 299 no bairro de Tambaú, no dia 3 de outubro próximo. Em caso de segundo turno, as seções voltam a ser instaladas no mesmo local, no dia 31 de outubro de 2010.

O voto em trânsito nas capitais do País, para os cargos de presidente e vice-presidente da República foi instituído este ano e está previsto na Lei nº12.034/2009 e na Resolução 23.215/2010 do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O eleitor que se habilitou para votar em trânsito terá seu nome excluído da urna eletrônica de sua seção de origem, passando a constar, exclusivamente, na urna das seções especiais instaladas para esse fim. Portanto, se o inscrito não comparecer à seção para votar em trânsito no dia da eleição será considerado faltoso e deverá justificar a sua ausência em qualquer mesa que receba justificativas, inclusive no seu domicílio eleitoral de origem (a justificativa só não vale na capital onde indicou que pretendia votar).

Assessoria do TRE
 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Cícero nega troca do PP pelo PSB: “A notícia não procede, jamais cogitei”

O prefeito eleito de João Pessoa, Cícero Lucena (PP), emitiu nota no início da tarde desta quinta-feira (03) para desmentir a informação sobre uma movimentação de bastidores dando conta de…

Opinião: brio abalado da oposição impõe alerta à aliança vitoriosa formada entre João, os Ribeiro e Cícero

Um novo tempo chegou. Os governos estadual e da Capital são outros. Restou às velhas oposições na Paraíba lideradas de um lado pelo ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) e do outro…