Lula participa de ato em defesa das democracias no Fórum Social Mundial de Salvador. Foto: Ricardo StuckertSalvador (BA), 15/03/0218.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva enviou, nesta terça-feira (30), uma parta para o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz. No documento, o petista presta solidariedade ao advogado, que foi alvo de provocações do presidente Jair Bolsonaro, que disse que “contaria ao presidente da OAB como o pai dele desapareceu durante o período militar”.

“Quero me solidarizar com você e sua família pela cruel desrespeito que os atingiu no dia de ontem. Só quem suportou o sofrimento de perder um ente querido, sem ter sequer o direito de velar seu corpo, poderá avaliar a dor que vocês sentem nesse momento. É como se violentassem o seu pai mais uma vez, e junto com ele todas as vítimas da ditadura”, escreveu Lula .

“O Brasil não merece ouvir as palavras de ódio de quem, pelo cargo que ocupa, deveria se referir com respeito aos que sacrificaram a vida pela liberdade em nosso país”, continuou o ex-presidente. “Sempre vamos reverenciar nossos verdadeiros heróis, e é isso que os tiranos não conseguem suportar”, concluiu.

A polêmica entre Bolsonaro e Santa Cruz teve início nesta segunda-feira (29), quando o presidente da República fez provocações contra Felipe Santa Cruz, presidente da Ordem, ao lembrar do desaparecimento do pai dele, Fernando Augusto de Santa Cruz Oliveira, durante a ditudura militar.

“Um dia se o presidente da OAB quiser saber como é que o pai dele desapareceu no período militar, eu conto para ele. Ele não vai querer ouvir a verdade. Eu conto para ele”, disse Bolsonaro.

Redação com US

Total
1
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PL de Vené proíbe taxa diferenciada por curso em inscrição para vestibular

Comissão do Senado aprova projeto de Veneziano que proíbe taxa diferenciada por curso, em inscrição para vestibular A Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado Federal (CE) aprovou o…

IMPASSE: Cida Ramos vê futrica em tese de rompimento no PSB

A tese de rompimento entre o governador João Azevêdo (PSB) e o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) por conta do impasse envolvendo o PSB paraibano foi eliminada pela deputada estadual Cida…