Por pbagora.com.br

Apesar de ver seu nome, do seu marido o deputado federal Damião Feliciano e de um dos seus filhos envolvido em críticas do ex-governador Ricardo Coutinho a Daniel Gomes da Cruz Vermelha, durante áudios repercutidos na semana passada, a vice-governadora Lígia Feliciano, do PDT, evitou polemizar e decidiu não rebater os áudios.

De acordo com Lígia a melhor contribuição que ela pode dar neste momento é se manter em silêncio.

“Eu acho que neste momento a melhor contribuição que eu posso dar para a política, instituições e para o povo da Paraíba é ficar em silêncio” declarou.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Após ser anunciada como vice de RC, Paula Frassinete renuncia

Apenas um dias após ser registrada como companheira de chapa do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) na corrida eleitoral pela Prefeitura Municipal de João Pessoa, a ex-vereadora Paula Frassinete renunciou do…

Tecnologia: Cícero afirma que pessoense terá “prefeitura na palma da mão”

Os serviços públicos precisam ser eficientes e devem estar sempre acessíveis para a população. É com esta certeza que o candidato do Progressistas à Prefeitura da capital, Cícero Lucena, lançou…