Por pbagora.com.br

O líder da oposição na Câmara Municipal de João Pessoa, Léo Bezerra (PSB), fez um levantamento de emendas de parlamentares da bancada paraibana que destinaram recursos para a construção do Hospital da Mulher, promessa de campanha do prefeito Luciano Cartaxo (PV).

 

De acordo com ele, houve emendas dos deputados Damião Feliciano (PTB) e Luiz Couto (PT), e do senador Cássio Cunha Lima (PSDB). Mas a obra sequer foi para o papel – nunca houve projeto nesse sentido –, ficou apenas na ‘vocalização’ do gestor, quando estava em campanha. “Para onde foram esses recursos”, indagou o vereador.

 

Baseado nessa suposta fragilização do modelo Cartaxo de fazer política recentemente Léo Bezerra (PSB), pôs em dúvida se a pré-candidatura de Lucélio Cartaxo (PV) se manterá até as convenções partidárias. Como o governador Ricardo Coutinho, ele afirma que o filiado ao PV deve desistir brevemente.

 

“Até quando Lucélio permanecerá candidato?”. Adiante, o vereador afirmou não ter conhecimento de nenhuma ação na Paraíba na qual Lucélio tenha tido participação. E ironizou: “A não ser no Picolé de Manga [bloco carnavalesco já extinto]”.

 

Léo, afirmou essa semana também que, através das imagens que estão sendo divulgadas pela assessoria do pré-candidato a governador, que a bancada de sustentação do prefeito Luciano Cartaxo (PV) na Câmara, não acompanha a pré-campanha de Lucélio em algumas viagens que este tem feito por algumas cidades do Estado.

 

Redação

Notícias relacionadas

Opinião: a força do PP nas eleições de 2022 pode mudar o cenário político na PB

Em política, nada é desprezível. Gostando, ou não, o próprio homem é um recipiente político. A filosofia explica tal fato. Aristóteles formulou um pensamento próximo ao que escrevi. Claro! Meu…

Preocupação de Veneziano Vital com Licenciamento Ambiental repercute nacionalmente

Poucas horas depois de aprovado na Câmara dos Deputados o texto base do Projeto de Lei nº 3.729, de 2004, que dispõe sobre o Licenciamento Ambiental, o Vice-Presidente do Senado…