O deputado Hervázio Bezerra (PSB), líder do Governo na Assembleia
Legislativa, ocupou a tribuna da Casa Epitácio Pessoa na manhã dessa
quarta-feira, 23, para lamentar as cenas de vandalismo promovidas pelos
integrantes do Movimento Sem Terra contra os patrimônios público e privado
durante manifestação ocorrida no Centro Administrativo, localizado no
bairro de Jaguaribe, em João Pessoa.

“O que se viu foram atos de pura selvageria. Houve depredação do patrimônio
público e também do privado. Toda luta pacífica e ordeira tem o
reconhecimento dos parlamentares e da sociedade. Mas o que aconteceu no
centro Administrativo foi um cárcere privado, onde secretários,
funcionários e até mulheres grávidas e pessoas portadoras de deficiência
foram proibidos de ir e vir, como manda a constituição”, revelou o
deputado.

Hervázio ainda lamentou o confronto entre os manifestantes e a polícia.
“Duvido que um parlamentar, de qualquer partido, aprove a baderna que
aconteceu. Tem todo o meu aval a luta ordeira, as reivindicações, mas não
se pode usar da força, quebrar e depredar o patrimônio público e privado.
Os policiais foram até o local manter a ordem, pois eles têm um dever a
cumprir que é o de dar segurança ao cidadão. Mas eles foram obrigados a
reagir, uma vez que os sem terra iniciaram o confronto”, explicou o líder
do governo.

 

Ascom

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Deputado pré-candidato à PMCG chama vereador da situação de “vereadorzinho”

Em clima de pré disputa eleitoral em Campina Grande, o vereador Márcio Melo (PSDC), e o deputado estadual e pré candidato a PMCG Inácio Falcão (PC d B), trocaram farpas…

Em nota, Governo do Estado expressa pesar pela morte de Marcus Odilon

O Governo do Estado, através de nota, expressou pesar pela morte do ex-prefeito de Santa Rita Marcus Odilon. A administração estadual disse estar solidária a dor de amigos e familiares.…