Por pbagora.com.br

O líder do governo do Estado na Assembleia Legislativa, deputado Ricardo Barbosa, rebateu hoje declarações do deputado Moacir Rodrigues representante do Bolsonarismo sobre supostos atos de corrupção atribuídos ao governador João Azevedo e questionamentos sobre a constitucionalidade da Fundação PB Saúde.

Barbosa insinuou que Moacir não teria legitimidade para essas críticas, levando em conta as investigações sobre corrupção na prefeitura de Campina Grande, onde seu irmão é o prefeito.

“Causa-me espécie que Vossa Excelência esqueça, ao cobrar apurações em relação a denúncias infundadas contra o governo estadual, de também exigir rigor nas investigações contra a gestão de seu irmão, o prefeito Romero Rodrigues. Ali o escândalo é grande e houve prisões”, reagiu o líder.

 

Redação

Notícias relacionadas

João Azevêdo e Cícero Lucena discutem parcerias em nova audiência

O governador João Azevêdo (Cidadania) e o prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena (Porgressistas), voltam a se se reunir nesta quarta-feira (27), para debater novas parcerias entre o Estado e…

VÍDEO: “Enfia no rab* de vocês”, diz Bolsonaro sobre leite condensado

O presidente Jair Bolsonaro rebateu, durante evento nesta quarta-feira (27), as críticas da compra milionária de seu governo com alimentação e alegou que a compra não foi destinada apenas para…