A Paraíba o tempo todo  |

Juventude de Sousa vai para as ruas; prefeito e o presidente da Câmara serão os alvos

MANIFESTAÇÃO: juventude de Sousa vai para as ruas; prefeito e o presidente da Câmara serão os alvos do protesto

A juventude do município de Sousa vai voltar às ruas para manifestar sua insatisfação sobre diversos temas, mas desta vez, o protesto vai ter dois alvos claros: o prefeito André Gadelha (PMDB) e o presidente da Câmara da cidade Eduardo Medeiros (PTB).

 

O grupo #VemPraRuaSousa, está agendando outro manifesto na cidade para
próxima semana. Na ocasião, os manifestantes irão fazer cobranças às
lideranças políticas da cidade sorriso. Os manifestantes prometem ocupar o
paço da prefeitura municipal de Sousa e a frente da Câmara Municipal.

 

De acordo com informações, os jovens irão confeccionar cartazes cobrando melhorias na saúde.

 

O líder comunitário Jota Candido (PSOL) disse que na saúde, Sousa vive o desmando administrativo com
falta de médicos, enfermeiras e funcionários para atender a população carente do município. Para isso será cobrada também, a questão da UPA, Unidade de
Pronto Atendimento que foi construída no governo do ex-prefeito Fábio
Tyrone (PTB), e hoje o prédio se encontra totalmente abandonado.

 

Além disso outras bandeiras serão levantadas como o fim do nepotismo, saneamento básico e prestação de serviços de
rotina no município que segundo Jota foram trocados pelo gasto com bandas de forró no São João 2013 em Sousa.

 

O líder comunitário fez um manifesto em frente à prefeitura se revoltando com os
gastos com bandas no São João.

 

"Achando pouco e usando da política do “Pão e
Circo”, o gestor sousense contratou a banda “Aviões do Forro” para animar
as festividades de comemoração alusivas aos 159 anos da cidade de Sousa que
acontece neste dia 10 de julho no centro da cidade. A banda “Aviões do
Forró” levará cerca de R$ 150.000 mil reais dos cofres públicos do
município de Sousa", informou.

 

Sobre a Câmara Municipal

 

A população de Sousa também está inconformada com
atitudes do poder legislativo. O presidente da Câmara Dr. Eduardo Medeiros
(PTB), deu férias forçadas aos parlamentares de 45 dias corridos sem
nenhuma justificativa.

 

Além disso, Dr. Eduardo vem sendo bombardeado por
parte de alguns parlamentares e da imprensa local, a respeito de algumas
denuncias feitas contra a sua gestão. O parlamentar está pagando cerca de
R$ 4.000.00 mensais para uma empresa que dá suporte a página da Casa Legislativa na internet que se
encontra fora do ar desde 2012.

 

O #vemPraRuaSousa, está agendando para próxima semana mais um manifesto com
local e data ainda ser definidos.

 



Redação

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe