Justiça Eleitoral pode ter que julgar ações de impugnação de mandato em 90 dias

 

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou hoje (10) o prazo de 90 dias para que as ações de impugnação de mandato eletivo sejam julgadas pela Justiça Eleitoral. De acordo com a proposta, o prazo passará a contar a partir do dia em que a ação for apresentada oficialmente. A legislação em vigor não estabelece um prazo para esses casos.

Pelo texto da proposta de emenda à Constituição (PEC) relatada pelo senador Demóstenes Torres (DEM-GO), se a matéria não for apreciada em 90 dias, passará a ter prioridade “sobre todos os feitos em trâmite na respectiva instância, à exceção de habeas corpus e mandado de segurança”.

A matéria precisa ser aprovada em dois turnos no plenário, antes de ser enviada à Câmara.

 

 

Agência Brasil

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

João exonera mulher de conselheiro citada em delação de Livânia

O Diário Oficial da Paraíba trouxe nesta sexta-feira, 17, a determinação do governador João Azevêdo sobre a exoneração da servidora Georgiana Maria Pinheiro Cruz, esposa do presidente do Tribunal de…

MPF denuncia prefeita na Paraíba por desvio de recursos da Funasa

Além de Silvana Fernandes Marinho, também foram acusados o chefe de gabinete do município, Samuel Marinho, e o engenheiro Sérgio Araújo O Ministério Público Federal (MPF) na 5ª Região ofereceu…