A Paraíba o tempo todo  |

Justiça bloqueia R$ 13 milhões de Pollyanna; deputada é investigada, em Pombal

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

A deputada estadual Pollyanna Dutra (PSB) teve seus bens bloqueados pela Justiça Federal em uma ação de improbidade administrativa de Nº: 0805539-97.2021.4.05.0000. Segundo o processo, a parlamentar, quando prefeita de Pombal, no sertão paraibano, teria praticado irregularidades na obra do esgotamento sanitário do município que sequer chegou a funcionar, causando prejuízos ao erário e a própria população.

O juiz federal Marcos Antônio Mendes de Araújo Filho acatou o pedido de liminar da Prefeitura Municipal de Pombal e da Fundação Nacional de Saúde (FUNASA), determinando o bloqueio de mais de R$ 13 milhões da ex-prefeita e atual deputada estadual Polyana Dutra.

“DEFIRO a medida cautelar, “inaudita altera pars”, para decretar a indisponibilidade das contas bancárias e ativos financeiros da requerida Yasnaia Pollyanna Werton Dutra mediante sistema BACENJUD, até o valor de R$ 13.055.538,83 (treze milhões, cinquenta e cinco mil, quinhentos e trinta e oito reais e oitenta e três centavos)”, ressalta o magistrado em sua decisão.

Veja o processo:

PROCESSO Nº: 0805539-97.2021.4.05.0000 – AÇÃO CIVIL DE IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA

AUTOR: MUNICIPIO DE POMBAL

ADVOGADO: Kadmo Wanderley Nunes

LITISCONSORTE: FUNDACAO NACIONAL DE SAUDE

RÉU: YASNAIA POLLYANNA WERTON DUTRA

8ª VARA FEDERAL – PB (JUIZ FEDERAL TITULAR)

Redação

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      9
      Compartilhe