O deputado Julian Lemos (PSL) comentou sobre a decisão do presidente Jair Bolsonaro em deixar o PSL. Lemos antevê que o partido vai se manter unido, liberal e conservador.

Para ele, a legenda não vai ficar fraca. “O PSL não vai acabar, não vai ficar fraco, pelo contrário. É uma casa muito confortável para os parlamentares que estão aqui, que são valorizados”, acredita Lemos.

Para ele, não haverá prejuízo para os assuntos propostos pelo Executivo. “A única unidade que temos é em relação às pautas do governo. Estamos alinhados visando a governabilidade”, garante. As informações são do UOL.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Sob o comando de Pedro Cunha Lima, PSDB fica sem representante na CMCG

O presidente do PSDB paraibano, deputado federal Pedro Cunha Lima que também é filho do ex-senador Cássio Cunha Lima (PSDB), parece não ter o mesmo poder de persuasão do pai…

Cabo Gilberto bate de frente com orientação de isolamento e cobra reabertura do comércio

Deputado Cabo Gilberto cobra retorno gradativo do comércio em Mangabeira: “Mudem essas ações” Na contramão das recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do próprio Ministério da Saúde, o…