Por pbagora.com.br

 O Tribunal Regional Eleitoral (TRE/PB) adiou a decisão do julgamento da Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) Nº 46676 contra a prefeita de Cuité, Euda Fabiana (PMDB), e sua vice, Julio César (PMDB), ambos acusados de abuso de poder econômico e político.

 

Euda Fabiana (PMDB) é esposa do deputado Bado Vênancio (PEN), que foi condenado recentemente pela Justiça Federal em uma ação de improbidade
administrativa quando era prefeito de Cuité.

 

Os políticos são acusados de terem usado servidores na campanha de reeleição em 2012, Após denúncia ao Ministério Público, no período eleitoral, uma retroescavadeira da Prefeitura de Cuité no Curimataú, que estava fazendo um barreiro no sítio Campo Comprido, na zona rural do município, foi aprendida por suposto crime eleitoral.

 

ENTENDA O CASO

A prefeitura de Cuité foi obrigada por decisão judicial a encostar uma retroescavadeira que estava sendo acusado de fazer serviços em propriedades
rurais particulares no município.

A decisão foi da Justiça Eleitoral que atendeu a liminar presente numa Ação de Investigação Judicial Eleitoral que apura conduta vedada por parte da prefeita Euda Fabiana, candidata à reeleição. A ação foi movida pela coligação encabeçada pelo PSB, que tem Tárcio Rodrigues como candidato.

 

Ele acusa a prefeita de usar a máquina do município em favor de sua reeleição. Tendo como ato específico o uso de uma retroescavadeira para fazer barreiros em propriedades rurais privadas.

 

A justiça entendeu que, para analisar a AIJE, deveria conceder a liminar determinando a suspensão do uso do equipamento, a fim de não permitir que o
“favor” fosse revertido em voto para a prefeita.

 

Redação com Cuitépbonline

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Prefeita eleita de Conde protocola no TCE/PB denúncia contra gestão Márcia

A equipe de transição indicada pela prefeita eleita do município de Conde-PB, Karla Pimentel, protocolou no tribunal de Contas do Estado da Paraíba, na manhã desta quarta-feira, 02/12/2020, denúncia em…

TRE/PB cogita suspender diplomação presencial de eleitos por conta da Covid

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, Joás de Brito, garantiu, durante entrevista nesta quarta-feira (02), que os juízes eleitorais distribuídos pelo estado terão a liberdade de decidir se…