A juíza Frana Elizabeth Mendes, da 26ª Vara Federal do Rio, concedeu liminar que destina para o combate à epidemia do novo coronavírus os cerca de R$ 2 bilhões do Fundo Especial de Financiamento de Campanha.

O dinheiro, de acordo com o orçamento, seria usado pelos partidos na eleição deste ano. A juíza determinou que o presidente da República, Jair Bolsonaro, e o presidente do Congresso Nacional, Davi Alcolumbre, decidam sobre a alocação dos recursos. Caso eles não tomem a decisão até amanhã, a própria Justiça determinará o destino da verba.

A decisão foi dada na última sexta-feira em ação popular movida por Sérgio Antunes Lima Junior. Na sentença, a juíza determina que a decisão do Congresso Nacional deve ser tomada em sessão realizada pelo plenário virtual.

Uma consulta ao site da Justiça Federal mostrou que a Advocacia-Geral da União entrou hoje com um recurso contra a decisão.

Veja a decisão:

DECISÃO LIMINAR FUNDO PARTIDARIO.pdf

Redação com CNN

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Líder de Cartaxo não descarta composição com João pela PMJP

Embalado pela crise que veio do PSB paraibano e com a união das forças políticas que veio para combater a pandemia do novo coronavírus, o líder do prefeito Luciano Cartaxo…

Opinião: com vida como prioridade, PL de Galdino e Tião que prevê entrega de medicamentos em domicílio sai vitorioso

A Constituição é clara, ainda mais em período tão agudo que põe em comprometimento a vida humana. E aqui observo, sem danos ou revanchismo político, pois respeito muito os acertos…