Por pbagora.com.br
 
 

O senador José Maranhão, do MDB, morreu na noite desta segunda-feira (08), vítima das sequelas da Covid-19. A informação foi confirmada por sua esposa, a desembargadora Fátima Bezerra.

Maranhão estava internado desde o dia 29 de novembro do ano passado após ser infectado pelo vírus. Ele estava em tratamento na UTI, em um hospital de São Paulo.

O senador era presidente do Movimento Democrático Brasileiro (MDB) na Paraíba. Ele iniciou a carreira política como deputado estadual em 1955. Cumpria o segundo mandato no Senado Federal, para o qual foi eleito em 2014.

Natural da cidade de Araruna, José Maranhão tinha 87 anos de idade e era casado com a desembargadora Maria de Fátima Bezerra Cavalcanti. Ele deixa dois filhos, Leônidas Bezerra Targino Maranhão e Maria Alice Bezerra Cavalcanti Maranhão.

A carreira política de José Maranhão se confunde com a própria trajetória do Estado da Paraíba, já que ele esteve presente em vários momentos memoráveis. Ele ficou conhecido pelo título de ‘Mestre de Obras’ devido aos investimentos e obras em várias cidades da Paraíba, durante os mandatos como governador.

VELÓRIO

O corpo de José Maranhão será transladado até a cidade de Araruna, onde será sepultado, de acordo com informações da assessoria de imprensa.

PB Agora

 
 
Notícias relacionadas

Segunda turma do STF arquiva denúncia contra Aguinaldo Ribeiro e políticos do PP

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta terça-feira (2), por 3 votos a 2, arquivar a denúncia da Procuradoria Geral da República (PGR) contra o deputado federal…

Vené e Nilda destinam R$ 7,5 mi ao OGU 2021 para o Centro de Convenções de CG

Os senadores Veneziano Vital do Rêgo (MDB-PB) e Nilda Gondim (MDB-PB) destinaram, de suas emendas pessoais ao Orçamento Geral da União – OGU 2021, R$ 7,5 milhões para a construção…