O candidato do PSB ao Governo do Estado, João Azevêdo, comandou um comício em Cabedelo, na noite desta quinta-feira (27). Ao lado do governador Ricardo Coutinho, do prefeito Victor Hugo (PRB), e dos candidatos a senador, Veneziano Vital do Rêgo (PSB) e Luiz Couto (PT), o socialista afirmou que tem percebido por onde anda que o povo paraibano entendeu que é preciso e é possível avançar nessas eleições, mantendo o projeto do PSB no comando do Estado.

 

“A gente sabe que a gestão conduzida por Ricardo Coutinho ao longo desses últimos anos fincou as bases e o Estado evoluiu tanto, que é possível fazer cada vez mais. A Paraíba de hoje é respeitada nacionalmente e recebe prêmios nacionais constantemente. Essa nova Paraíba não pode voltar atrás”, destacou João.

 

O socialista destacou ainda que os governos do PSB implantaram na Paraíba uma nova forma de fazer gestão pública que tirou o dinheiro, que é do povo, da mesa de poucas famílias e destinou para todas as famílias paraibanas, destinando recursos e investimentos para as grandes e para as pequenas cidades; atraindo novas empresas, mas incluindo nas políticas públicas, quem antes era marginalizado, como por exemplo, os índios, os quilombolas, os LGTB e as mulheres. 

 

Ele citou a cultura como exemplo, em que o Governo construiu um teatro que é considerado o maior do Brasil, o Pedra do Reino, em João Pessoa; reformou o Cine São José, em Campina Grande; mas também reconstruiu o Teatro Íracles Pires, em Cajazeiras. “A lógica desse projeto é ouvir, incluir e dividir”, destacou.

 

João finalizou seu discurso afirmando que está preparado para a missão de governar o estado da Paraíba, porque foi construindo sua trajetória ao longo de mais de 40 anos no serviço público e porque faz parte de um projeto que trabalha em conjunto e por isso tem conseguido transformar a Paraíba. “Nunca tive a ambição de ser governador, mas se esta for minha missão, vou dedicar cada minuto da minha vida para que este Estado continue avançando”. 

 

O govenador Ricardo Coutinho destacou que João foi o seu melhor secretário e por isso cuidava de áreas tão importantes como Infraestrutura, Recursos Hídricos, Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia, e ainda auxiliava no Planejamento. 

 

“João não vai precisar aprender nada, porque ele já constrói esse projeto com a gente. João já sabe o que vai fazer no dia 1º de janeiro e já sabe o que fazer no primeiro semestre de 2019”, disse o governador.

 

Ricardo ressaltou ainda que a Paraíba não pode retroceder ao tempo em que o pagamento dos salários dos servidores eram pagos em até 10 dias, no mês subsequente ao trabalhado e nem pode cair nas mãos de quem não tem uma história, nenhum compromisso e conhecimento para gerir o Estado como a Paraíba, que vive um outro patamar. 

 

“A Paraíba cansou de ser pequena e não é mais aquele estado que só se contava pobreza. Quando chega a um patamar como este, não tem como retroceder”, afirmou.

 

Estiveram presentes ao comício, os deputados estaduais João Gonçalves (Podemos), Arthur Cunha Lima (Podemos), Raoni Mendes (DEM), a deputada estadual Estela Bezerra (PSB), além de vereadores e lideranças de Cabedelo.

 

Redação

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Ciclo do PSDB na gestão Cartaxo chega ao fim

Com a proximidade da data de desincompatibilização (4 de junho) da gestão pública daqueles que pretendem disputar cargos eletivos no pleito municipal desse ano, aliados do prefeito de João Pessoa,…

Cotado para PMJP, Cícero volta com tudo às redes sociais

O ex-senador Cícero Lucena, agora filiado ao PP, voltou às redes sociais com força total nos últimos dias. O ex-parlamentar, que é cotado para disputar a prefeitura de João Pessoa…