A Paraíba o tempo todo  |

João descarta rompimento com Veneziano e pontua: “Não faço conjecturas em cima de possibilidades, eu discuto fatos”

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

O governador João Azevêdo, descartou a possibilidade de um rompimento com o senador Veneziano por conta de toda a repercussão que houve nas últimas semanas que envolviam e davam conta de uma possível aliança entre Vené e Cássio Cunha Lima visando o governo do estado.

De acordo com João ele tem mantido contato com Veneziano, tratando das pautas necessárias e que eleições ainda não estão na prioridade de nenhum dos dois.

Sobre o imbróglio de uma possível retirada de Veneziano da sua base para seguir em causa própria nas eleições de 2022, João disse que escutou do próprio senador que a conversa que teve com Cássio foi administrativa. João então disse que cabe a ele acreditar e tomar suas decisões baseadas nos fatos e não em especulações.

“Tenho conversado com o senador bastante e tratado da pauta com bastante tranquilidade primeiro as eleições precisam ser tratadas no momento adequado pois até hoje não há definição sobre as regras, não há clareza nenhuma quanto a isso. Com relação a essa declaração do vereador Mikika, eu não vi confirmada pelo senador que disse que quando tratou com Cássio foi de assuntos administrativos e a mim me cabe acreditar. Não faço conjecturas em cima de possibilidades, eu discuto sobre fatos reais” asseverou.

PB Agora

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      8
      Compartilhe