O ano de 2020 poderá começar com grandes mudanças partidárias ou com uma fumaça branca no jardim girassol da Paraíba. Isso porque o governador da Paraíba, João Azevêdo (PSB), cravou o mês de dezembro de 2019 como prazo final para definir seu destino partidário. Segundo ele, há apenas duas alternativas a seguir: permanecer filiado, ou se desfiliar e buscar uma nova agremiação.

“Essa questão partidária tem que ser tratada internamente pelo partido, quem gerou o problema que resolva, e caso não haja condição de permanência, não terei problema nenhum com relação a colocar minha posição de mudar de agremiação. Não é isso que eu estou definindo, não é isso que estou anunciando. Eu estou dizendo que até o final do ano nós teremos duas alternativas, ou ficar no partido, ou sair do partido, não existe outra alternativa”, avisou.

Segundo o governador, caberá a executiva do PSB decidir se quer ter um governador filiado em seus quadros ou não.

“Eu acho que na vida tudo tem um ciclo e existem momentos, e é importante que o partido demonstre se tem interesse de ter um governador ou não. Existem coisas internas no partido que precisam ser colocadas de forma mais clara, que não estão sendo postas nesse momento. Eu continuo dizendo que a forma como foi feita a dissolução do diretório, a forma como foi tirado o companheiro Edvaldo Rosas da presidência, não foi correta nem democrática. O partido teria inúmeras formas de resolver o problema e parte do partido preferiu o caminho extremamente desgastante”, lamentou.

 

PB Agora

Total
1
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“Não vou impor o meu nome” enfatiza Eduardo Carneiro sobre 2020

“Não vou impor meu nome para que as pessoas engulam goela abaixo” assim enfatizou o deputado estadual Eduardo Carneiro (PRTB) que a indicação do seu nome como opção para disputar…

Sales Dantas afirma: “Oposição está unida em Cabedelo para 2020”

O encontro na Fortaleza Santa Catariana reuniu todos os atores que figuram na oposição ao prefeito do município portuário, Vitor Hugo. A reunião fora pautada na união de forças com…