Por pbagora.com.br

Neste sábado (17), o candidato do Solidariedade à Prefeitura de João Pessoa, João Almeida, denunciou que o adversário na corrida eleitoral na capital, Wallber Virgolino (Patriota) estaria movimentando apoiadores para que pudessem tentar desmoralizá-lo durante suas atividades de campanha nos bairros de João Pessoa.

De acordo com o político, ele levará o caso à Polícia Federal para que sejam tomadas as devidas providências.

“Eu não tenho medo de bandido e nem de cara feia. Inclusive quero dizer que estou levando o caso à Polícia Federal para investigar e tomar as devidas providências, e dizer que isso não vai me intimidar, sou ficha limpa e vim para separar a polícia dos bandidos de verdade nesta campanha.” declarou.

 

Redação 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Com tendência crescente, Solidariedade se consolida entre os grandes partidos na PB

O Solidariedade, partido presidido na Paraíba pelo atual prefeito da cidade de Pedras de Fogo, Manoel Junior, vem crescendo e ganhando força no estado ao longo dos anos e nas…

Opinião: os riscos decorrentes de um eventual processo de impeachment de Bolsonaro

Sobre um eventual processo de impeachment do presidente Jair Bolsonaro, descortinam-se duas possibilidades preocupantes, tanto para ele e seus seguidores – a que o Brasil já se acostumou a, depreciativamente,…