O vereador pessoense João Almeida (Solidariedade) comentou em entrevista ao portal sobre a polêmica que envolve os ambulantes, que na manhã desta terça-feira (23), protestaram  na Câmara revoltados com a ação da prefeitura de João Pessoa que apreendeu diversos carrinhos nas ruas da capital.

 

Para o vereador que integra a base do governo municipal na Casa, o modo como foi procedido o ato de apreensão foi equivocado, pois defende sempre o dialogo entre população e gestão pública. “Eu conheço muito bem esses ambulantes e sua representatividade na pessoa pessoa da sua presidente Márcia. Eles são sim de diálogo. Eu não vejo motivos para terem esticado essa corda a ponto de ser necessário o impedimento de ruas por parte dos ambulantes, afetando toda uma população”, disse Almeida que destacou que quando secretário foi sempre defendeu o equilíbrio em torno do diálogo. “A cidade não pode ficar desorganizada e invadida, isso todo mundo sabe.”

 

Segundo a líder do movimento, Márcia Medeiros, o secretário Zennedy Bezerra conversou na tarde de ontem com a categoria, todavia, durante a madrugada agiu de forma contrária. Ela assegurou ainda que a gestão ‘roubou mais de dois caminhões de carrinhos’, quebrou correntes e não deu explicação alguma aos ambulantes, que precisam trabalhar para sobreviver.

 

Redação

 


Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Deputado pré-candidato à PMCG chama vereador da situação de “vereadorzinho”

Em clima de pré disputa eleitoral em Campina Grande, o vereador Márcio Melo (PSDC), e o deputado estadual e pré candidato a PMCG Inácio Falcão (PC d B), trocaram farpas…

Pré-candidatos a prefeitos em JP e CG com um pé na folia e o olho no voto

Para a cientista política Priscila Lapa, os eventos de rua no período carnavalesco são muito propícios para que os pré-candidatos tenham visibilidade e coloquem suas campanhas na rua.  Neste sentido…