Por pbagora.com.br

Desde que o TCE-PB reprovou, por unanimidade, as contas do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB), referente ao ano de 2016, uma dúvida permeia os bastidores da política no estado: será que os antigos aliados de RC, que no ano em questão estavam ao seu lado, irão votar favoráveis ou contrários à decisão do órgão fiscalizador?

Independente dos posicionamentos, o que se sabe é que essa apreciação por parte da ALPB não ocorrerá tão cedo.

É que, segundo o presidente da Casa, deputado Adriano Galdino, a ALPB sequer foi notificada oficialmente até o momento, porque da decisão cabe recurso no TCU.

“A decisão ainda cabe recurso no TCU por isso ainda não chegou na Assembleia. Mas acredito que ainda esse ano deveremos julgar as contas do ex-governador”, esclareceu.

Em caso de ratificação da reprovação pela Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), o ex-governador se tornará inelegível.

PB Agora

Notícias relacionadas

Opinião: Cícero e João afinados contra covid no barco da vida

A história humana é o conjunto de teias que se entrelaçam, colocando todos os seres humanos em uma mesma nau. A tal embarcação atende pelo nome de Terra que, similar…

Covid-19: Damião apresenta melhora e deixa UTI do Sírio Libanês, em Brasília

O deputado federal Damião Feliciano, do PDT, que está internado há uma semana em tratamento contra a Covid-19 apresentou melhora e deixou a UTI do Hospital Sírio Libanês, em Brasília,…