Por pbagora.com.br

A ausência do deputado federal Hugo Motta (PMDB)  na cidade de São Bento, voltou a ter desdobramentos políticos. O deputado que é natural de Patos e que nas duas eleições foi o deputado federal mais votado na Terra das Redes obtendo mais de 14 mil votos, foi bastante criticado por vereadores.A informação foi dada pelo blogueiro e jornalista Clinton Medeiros que acompanha a política no Médio Piranhas.

Os vereadores Jairo Monteiro e Josué Júnior ambos do PSB teceram comentários na tribuna do legislativo sobre a indiferenca de Hugo com São Bento, e incluíram o deputado estadual Jullys Roberto (PMDB) nos ataques verbais.

“São Bento deu em duas eleições 14 mil votos a Hugo Motta, e se ele colocasse emendas para nossa cidade beneficiaria o povo. E eu desafio Jullys Roberto que falou outro dia que tinha vereador preocupado com isso, eu fiz e trabalhei por Hugo Motta, pergunto a Jullys, ou Marcio Roberto o que ele já fez por nossa cidade? Duvido dizerem que é mentira minha, Hugo não foi correto com São Bento. Mais o povo de nossa terra dará a resposta”; disse Jairo.

“A não destinação de recursos de Hugo Motta para São Bento teve uma respostas triste por parte de Jullys de dizer que esse mandará a partir de dezembro para nossa terra, aí eu pergunto a ambos, será que é justo para nossa terra? Com aquele povo que levantou sua bandeira aqui? São Bento merecia isso?”; perguntou. Jota



PB Agora

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Ludgério diz que filiação partidária pesou na escolha por Bruno, em CG

O deputado estadual Manoel Ludgério afirmou que o fortalecimento do seu partido, o PSD, foi o que mais pesou na sua decisão de apoiar o pré-candidato Bruno Cunha Lima,  do…

Mais prazo: Romero pode deixar só para dia 15 definição sobre escolha em CG

Nem 07 nem 10. Deve ficar para o dia 15 de agosto a definição do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSD), sobre a escolha do nome do grupo que…